T E X T O  &  I M A G E N S  H A N N A H  U E S U GI
SINGULARIDADES CRIADORAS é uma reedição independente do livro de autoria do filósofo, escritor e professor Amauri Ferreira.
O  P R O J E T O
Em meados de 2018, fui procurada pelo próprio Amauri Ferreira para fazer um projeto gráfico totalmente novo para o seu livro de filosofia que estava com a primeira edição de 2014 esgotada, o "Singularidades criadoras".
Nós ainda não nos conhecíamos, mas me interessei pela chance de fazer um livro com edição independente, cujo principal público eram os alunos dos cursos livres de filosofia que o próprio Amauri oferecia pela cidade.
E que ótima oportunidade ele me deu: fazer um projeto gráfico livre para um livro de conteúdo interessante e com um autor totalmente aberto a novas interpretações gráficas. 
Logo após a primeira leitura do seu original, sem olhar a primeira edição para não me influenciar, eu apresentei o projeto que acabou sendo impresso alguns meses depois praticamente sem alterações.
P R I M E I R O  O  M I O L O
A minha proposta privilegiou os setenta verbetes do livro. 
Eu queria que já na capa fosse possível ter uma ideia da abrangência daquele rico conteúdo e foi assim que do miolo nasceu a capa do Singularidades.
Eu comecei o projeto pelo desenho da página. O único pedido que o Amauri havia me feito era sobre a fonte de texto, que ele gostaria que fosse a mesma adotada nos seus outros livros, a Galliard. Ela foi então o meu ponto de partida e acabou sendo a única fonte utilizada ao longo de todo o livro.
A mancha de texto é toda justificada, com um versalete indicando o início de cada assunto. Largas margens externas foram reservadas para a navegação entre os verbetes e a numeração de páginas, informações que aparecem sempre giradas 90 graus em relação ao sentido do texto criando uma dupla orientação.
N A V E G A Ç Ã O
Depois de definido o desenho das páginas, fui diagramando o texto ao longo do miolo respeitando a ordem do conteúdo que eu havia recebido. De acordo com o lado da dupla — página par ou ímpar — em que cada verbete naturalmente se iniciava, fui estabelecendo uma lógica de navegação entre as páginas, de cima para baixo, em dez alturas diferentes.
Um quebra-cabeça aparentemente complexo que resultou em um desenho de sumário interessante, em que todas as páginas pares estão do lado esquerdo e todas as ímpares, do direito, numa ordem que corre de forma independente em cada um dos lados. 
Assim, sempre que se procura um texto no sumário, além de se notar o número de página em que ele se encontra, se descobre também em qual dos lados do livro o verbete se inicia e em qual altura da página se encontra a sua chamada.
A divisão entre os volumes ficou por conta de uma linha que separa os verbetes em dois grupos: acima dela, os pertencentes ao volume I e, abaixo, os do segundo.
D E P O I S  A  C A P A
Após ter o miolo praticamente pronto, a capa do livro surgiu como consequência. 
Eu tinha já o desejo de fazer uma capa branca composta apenas por tipografia, que remetesse de alguma forma à frieza dos livros técnicos. E assim o fiz com os setenta verbetes impressos em preto dispostos exatamente como aparecem no sumário, mas a esta primeira camada de conteúdo acrescentei uma segunda com grandes textos – título, autor e quarta capa – num tom rosa e brilhante que se sobrepõe a outra de forma contundente.
F I C H A  T É C N I C A
TEXTO AMAURI FERREIRA   PROJETO GRÁFICO HANNAH UESUGI & PEDRO BOTTON   
FONTE GALLIARD PRO   FORMATO FECHADO 15X21CM   
IMPRESSÃO FORMA CERTA   MÉTODO DIGITAL HP ÍNDIGO 4X4 CORES E 1X1 COR  
PAPEL PÓLEN SOFT 80G/M²   PÁGINAS 136   TIRAGEM 200 EXEMPLARES   ANO 2018

OUTROS ARQUIVOS